Secretaria de Saúde intensifica o trabalho contra a dengue

Nas últimas semanas a Secretaria de Saúde de Constantina tem realizado um intenso trabalho de combate ao foco do mosquito da dengue.

Hoje, Constantina tem 35 casos suspeitos, sendo que 25 são pré-oficiais e aguardam a confirmação que vem do LACEN/RS – Laboratório Central de Saúde Pública do estado.
Municípios vizinhos sofreram com epidemias de dengue no ano passado, sendo que nosso município não registrou nenhum caso. Com campanhas de conscientização e ações contra o mosquito, o ano de 2019 encerrou sem que a doença chegasse em Constantina. Já em 2020, num surto que atingiu diversas regiões do país, e também a região norte do estado, tivemos alguns casos confirmados.

De acordo com os agentes de vigilância sanitária, os maiores focos estão sendo encontrados nas caixas de coleta de água de chuva. A orientação é de que as mesmas sejam esvaziadas, para evitar maior proliferação do mosquito. Pneus, vasos de plantas e calhas também foram eliminados pois são locais onde o mosquito se prolifera.
Frente ao número expressivo de casos suspeitos, a Secretaria realizou trabalhos de inspeção, varredura, bloqueio físico em alguns bairros e também está realizando o bloqueio químico, que consiste na dedetização com aplicação de produtos químicos específicos. A Secretaria reforça a importância de que cada morador cuide de sua residência, eliminando possíveis focos para que o mosquito possa se proliferar.

De acordo com o Secretário de Saúde Adroaldo Adroaldo Araujo, “esse não é um problema da secretaria, é um problema social, de saúde social. É preciso que todo mundo faça a sua parte, a Secretaria sozinha não vai resolver se a sociedade não tiver consciência e não fazer a sua parte. A Secretaria de Saúde está fazendo sua parte, e sem sombra de dúvidas vamos vencer essa batalha”, afirmou.

Compartilhe